A UKAEA trabalha com a DuPont para otimizar a segurança

Os trabalhadores da UKAEA têm ajuda para colocar seu EPI em uma área controlada antes do início do trabalho, além de receberem ajuda também para removê-lo em uma área segura designada após a conclusão da tarefa.

A Autoridade de Energia Atômica do Reino Unido (UKAEA) é responsável pela restauração da instalação nuclear de Windscale, situada na costa oeste de Cumbria, de volta para o status de sítio industrial. Até 2015, a UKAEA planeja ter todas as instalações nucleares restantes em um regime passivamente seguro que requeira intervenção mínima, com todos os prédios associados demolidos. Buscando aprimorar a segurança e proteção das roupas de proteção usadas nas instalações de exame pós-irradiação, além de demonstrar conformidade com os rígidos requisitos de EN 1073-2 para proteção contra poeiras radioativas, a UKAEA escolheu trabalhar com a DuPont.

Modelo para desativação de reator

Em 1981, o reator nuclear avançado resfriado a gás (WAGR) foi desligado e todo o combustível foi removido. Agora, o WAGR é um produto demonstrativo para desativação de reatores. A instalação de exame e pós-irradiação do WAGR conta com uma suíte de cavernas protegidas de concreto. As cavernas protegidas, construídas originalmente para retirada do combustível do reator e abastecimento com combustível novo, elas agora contêm detritos operacionais restantes que estão sendo reembalados e removidos como percursos da desativação das próprias cavernas.

Os materiais radioativos podem ser vistos de uma área segura (ou face da caverna) através de janelas de 4 pés de espessura, cada uma contendo 700 litros de brometo de zinco para proteger os funcionários da radiação. Os engenheiros na face da caverna operam "manipuladores mestre-escravo" para mover os componentes dentro das cavernas para que sejam cortados antes da remoção para embalamento e armazenamento. O risco de exposição à radiação na face da caverna é extremamente mínimo – na verdade, é menor do que ocorreria naturalmente, em alguns casos .

Gary McMinn, Consultor de Segurança na UKAEA Windscale pelos últimos dez anos, explica "Em instalações de Exame Pós-Irradiação (PIE), o equipamento de proteção individual é usado pelos avaliadores de proteção radiológica, funcionários de desativação geral, engenheiros, eletricistas e instaladores. Ainda que os funcionários da instalação sempre tenham usado macacões de proteção, sapatos de segurança, respiradores e luvas, o monitoramento contínuo e feedback dos usuários indicou que o equipamento atual não estava cumprindo as normas mais novas e mais rígidas necessárias. Uma análise revelou que os procedimentos de colocação e retirada e o design da roupa podiam ser melhorados".

Solução personalizada de Tyvek®

Trabalhando junto ao departamento de Proteção Individual da DuPont, uma solução para todos os requisitos de roupas de proteção da UKAEA foi encontrada: o DuPont™ Tyvek® Classic Plus com meias e loops de polegar foi projetado. Além disso, novos procedimentos de colocada e retirada foram desenvolvidos e introduzidos.

O Tyvek® foi selecionado devido ao seu alto nível de proteção em barreira, além da força, resistência a rasgos e abrasão e conforto no uso. Ele também não desprende partículas, é antiestático, resistente a respingos químicos, aguenta até 0,12 bar, repelente a uma gama de líquidos à base de água e inorgânicos de baixa concentração e sua superfície macia impede a adesão de partículas sólidas. O Tyvek® é feito de milhões de fibras finas e contínuas de polietilenos de alta densidade, fiados rapidamente e ligados por calor em um tecido arejado.

  • A roupa de Tyvek® Classic Plus com laços para os polegares e meias atendeu à norma EN 1073-2, classe 2.
  • O capuz da roupa permite que os funcionários movam suas cabeças sem medo de quebrar a vedação de fita adesiva do respirador e o capuz.
  • Meias integrais são usadas em sapatos de segurança ou botas para ajudar a proteger proteção extra.
  • Abas nos tornozelos são puxadas sobre as botas de segurança ou sapatos para ajudar a fornecer ainda mais proteção.
  • Os loops para os polegares evitam que as mangas subam ao esticar os braços ou alcançar algo.

Os testes no local do Tyvek® Classic Plus com loops para os polegares e meias, além dos novos procedimentos de colocação e retirada, foram introduzidos em Windscale em novembro de 2004. O feedback logo indicou que as novas roupas forneceram um caimento muito melhor e a confiança e aceitação dos trabalhadores do produto excederam muito o produto usando anteriormente.

Gary adiciona "O feedback contínuo dos representantes da segurança e usuários continua a confirmar o desempenho do Tyvek® Classic Plus com loops para os polegares e meias. A DuPont ainda está a postos para ajudar a resolver possíveis problemas técnicos e modificações adicionais futuras, para ajudar com soluções de roupas de proteção para outras aplicações e para sugerir inovações futuras que ajudarão a aprimorar continuamente a proteção das pessoas no local de trabalho".

A UKAEA opera cinco instalações no Reino Unido, dedicadas à desativação de usinas nucleares, tecnologia, pesquisa e desenvolvimento. Seguindo o sucesso do novo Tyvek® Classic Plus com loops para os polegares e meias em Windscale, a nova roupa foi selecionada como macacão de proteção de uso único em todas as instalações da UKAEA.

 

Para obter mais informações sobre riscos nucleares, clique aqui.